imagem lisboa mistura

Programa Lisboa Mistura

 
SÁBADO, DIA 28 DE NOVEMBRO
 
 
 
SALA PRINCIPAL
16h30
ONE LOVE FAMILY
Fundada em 1998, esta orquestra familiar, que hoje compreende membros entre os 10 e os 49 anos, já passou pelos principais palcos do país, com destaque para as participações memoráveis em Paredes de Coura e no Sudoeste, passando também por festivais internacionais na Holanda e em Espanha. Partilharam, em concerto, o mesmo palco com artistas de renome do mundo do reggae.
 
 
SALA PRINCIPAL
17H30
MU
Os MU iniciaram o seu percurso musical em 2003. Os seus elementos dedicam-se aos mais variados instrumentos provenientes dos quatro cantos do mundo, o que permite a este projecto viajar por distintas culturas e sonoridades tradicionais e de fusão. A junção de instrumentos oriundos da Índia, Suécia, Egipto, Brasil, Marrocos, Austrália, entre outros, permitiu aos MU descobrir na música uma viagem por mundos perdidos e resgatá-los até à actualidade.
 

SALA PRINCIPAL
19H00
LULA PENA + TIGRALA
Um concerto que junta em palco e pela primeira vez, Lula Pena, a cantora que percorre, capta e interioriza o norte de África, os lamentos e rezas do samba e da bossa, e Tigrala, o trio dos guitarristas Norberto Lobo e Guilherme Canhão e do multi-instrumentista, Ian Carlos Mendonza.
 
 
SALA PRINCIPAL
21H00
CIGANOS D’OURO
Nascido em 1994, o projecto Ciganos d'Ouro tem já seis álbuns no seu repertório e representa frequentemente Portugal e a sua comunidade cigana, em eventos internacionais, tendo sido sempre muito bem recebidos pelo público e pela crítica. Partindo do flamenco e do cante hondo, os Ciganos d'Ouro têm vindo a diversificar a sua sonoridade, fruto da sua colaboração com músicos de outras origens, nomeadamente da América Latina.
 

SALA PRINCIPAL
22H00
DHOAD GYPSIES FROM RAJASTHAN
Vêm da província do Rajasthan (Índia) e são presença em festivais e concertos um pouco por todo o mundo. Dhoad Gypsies é composto por seis músicos, uma bailarina e um faquir, todos provenientes de diferentes comunidades, religiões e castas. Juntos trazem um espectáculo de música e emoções excepcionais.

 
JARDIM DE INVERNO
20H00
LANÇAMENTO DO LIVRO “LUSO-TROPICÁLIA” DE TATIANA MACEDO, com performances dos jovens retratados.
 
JARDIM DE INVERNO
23H30
BATIDA
“Batida é um grupo, um nome que, desde 2007, divulga na Antena 3 e na web, as novas tendências da música urbana de raíz ou inspiração Afro. Ritmos como Kwaito, Kuduro, Funk Carioca, Dancehall ou Afro House. “Enrolámos” agora esse disco, com bitis para fazerem dançar toda a família.”
 
 
JARDIM DE INVERNO
00H30
DJ MPULA
 
 
 
DOMINGO, DIA 29 DE NOVEMBRO
 
 
 
SALA PRINCIPAL
17H00
BARCO N
“Numa viagem em mar aberto na barca de Noé que transportava sentimentos, há dois marinheiros que lutam pelo futuro, mas perdem tragicamente a luta. O barco é esvaziado. Uma forte mistura de palavra, música, imagem e dança. Mistura de três culturas diferentes, de Angola, Rússia e Portugal, com um objectivo só, sentirmos outras formas de vida juntos.”
Dmitry Bogomolov
 
Encenação Dmitry Bogomolov
Estreia absoluta. Encomenda Lisboa Mistura.
 
 
SALA PRINCIPAL
18H00
ANDRÉ CABAÇO QUINTETO
Natural de Moçambique, André Cabaço vive em Portugal há cerca de vinte anos e procura dar continuidade ao trabalho feito no domínio da música popular moçambicana, mas também, incorrendo noutros estilos musicais, nomeadamente no funk, jazz e no house. Ao lado de músicos portugueses e naturais dos países de expressão portuguesa, participou nos projectos Sons da Fala e Sons da Lusofonia. Mas é principalmente como compositor que se destaca a carreira musical de André Cabaço.
 

SALA PRINCIPAL
19H30
CARMEN SOUZA
A voz sublime de Carmen Souza conquistou público e crítica. Actualmente a artista cabo-verdiana é apontada como uma das figuras principais da World Music.
 

SALA PRINCIPAL
21H30
LIS-NAVE 2009:
KOTA COOL AFROBEAT ORKESTRA
Lis-Nave é um conceito de espectáculo Lisboa Mistura. A Kota Cool Afrobeat Orkestra surge como ideia de agrupar num colectivo lusófono de 18 músicos, portugueses, moçambicanos e angolanos, e de juntos interpretarem alguns dos clássicos referenciais do repertório afrobeat, desde Fela Kuti, Femi e Seun Kuti,  os Antibalas – o primeiro colectivo afrobeat fora de África- passando pelos próprios temas de Cool Hipnoise, Terrakota, e Cacique 97.
 
 
JARDIM DE INVERNO
20H30
CD PROJECTO ESCOLHAS/ACIDI
 
 
JARDIM DE INVERNO
23H00
DJ JOHNNY
 
 
SÁBADO E DOMINGO

OPA (OFICINA PORTÁTIL DE ARTES): Apresentação no Jardim de Inverno dos vencedores do concurso para jovens dos bairros da Grande Lisboa.

 

“A experimentação artística é para nós o ponto de partida. A experimentação dos sons, das palavras, das vivências, das imagens e dos gestos, do palco, dos nervos da apresentação pública e tudo o que tem a ver com a performance. Como a experimentação de novos idiomas, com novos públicos e em locais onde o centro somos nós. Apresentar as artes dos bairros de Lisboa no centro da cidade é o que propomos com este desafio.”

 

SÁBADO ÀS 17H00

DOMINGO ÀS 17H30

OPA I

 

SÁBADO ÀS 18H00

DOMINGO ÀS 18H30

OPA II

 

SÁBADO ÀS 19H30

DOMINGO ÀS 20H00

OPA III

 
 
stqqssd
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30      
 
BILHETEIRA
 
bilheteira@teatrosaoluiz.pt
Tel.  (+351) 213 257 650
Todos os dias, das 13h às 20h
Siga-nos no: facebook