Saltar para o conteúdo principal Mapa do Website Ajuda de navegação e acessibilidade Web
Destaques

Um Ponto que Dança – oficina digital

©Joana Linda

Quantas vezes nos sentimos um ponto no meio da imensidão? E quantos vezes imaginamos que esse ponto está ligado a tudo à volta através de mil e um outros pontos? Um Ponto que Dança é uma história dançada acerca do movimento da vida de um ponto: conta as suas danças de pequeno até adulto, os desafios para encontrar um lugar no mundo e, finalmente, a sua liberdade.
A partir do livro e do espetáculo-oficina Um Ponto que Dança, criado por Sara Anjo, surge agora esta oficina digital, em formato vídeo, a pensar nos Mais Novos que estão nas escolas e não podem vir ao Teatro. Trata-se de uma proposta para ver, ouvir e depois dançar, dirigida à distância pela bailarina e coreógrafa, para ser orientada
e trabalhada pelo professor na escola, de forma independente, com os seus alunos – na sala, no pátio da escola, no ginásio ou no jardim. Aborda a imensidão do movimento, desde os mais pequenos e quase invisíveis como o piscar de olhos ou o dobrar do dedo mindinho, até aos enormes, como o movimento das nuvens no céu ou o trânsito rápido e veloz dos carros na rua. A oficina procura, assim, dar um espaço de atenção à dança, de atenção ao que acontece no corpo e no mundo à nossa volta.

É enviada por email, para as escolas, mediante pedido.

 

Público-alvo: alunos dos 3 aos 9 anos em contexto escolar

Gratuito, mediante pedido através do email: maisnovos@teatrosaoluiz.pt

©Joana Linda

 

Direção artística e Interpretação: Sara Anjo; Sonoplastia: Artur Pispalhas; Vídeo: Joana Linda; Cenário: Martina Manyà; Produção e Administração: Agência 25 | Vítor Alves Brotas e Sandra Amado

Outros Destaques