Saltar para o conteúdo principal Mapa do Website Ajuda de navegação e acessibilidade Web

A Vida Vai Engolir-vos

De Anton Tchékhov, a partir de A Gaivota, O Tio Vânia, Três Irmãs, O Ginjal
Direção artística, versão e dramaturgia Tónan Quito
© Estelle Valente / Teatro São Luiz
Datas e Horários

7 a 18 julho

1ª parte, Teatro São Luiz:
7, 9, 14 e 16 de julho, 19h às 24h

2ª parte, Teatro Nacional D. Maria II:
8, 10, 15 e 17 julho, 19h às 24h

Versão integral:
11 e 18 julho, 19h às 24h (Teatro São Luiz – 1ª parte) e 1h às 6h (Teatro Nacional D. Maria II – 2ª parte)

Local

Sala Luis Miguel Cintra

Preço

A anunciar

Classificação

A classificar pela CCE

Descrição

Tónan Quito lança-se à adaptação e montagem das quatro peças principais de Anton Tchékov: A Gaivota, O Tio Vânia, Três Irmãs, O Ginjal. Uma obra em que se descreve a vida de certas camadas da pequena-burguesia daquele tempo, gentes desorientadas e deprimidas, acossadas pelo ruir de uma sociedade em decadência, os vícios e as ambiguidades de uma intelectualidade dividida entre o desejo de transformação da realidade e a sua incapacidade de agir face a essa sociedade. A intenção de Tónan Quito é apresentar essas peças como uma só, primeiro divididas em dois episódios, mostrados em dias e lugares diferentes (em Lisboa, entre o Teatro São Luiz e o Teatro Nacional D. Maria II); e depois, de uma só vez, nos dois teatros, do início da noite até ao início do dia. A protagonista de A Vida Vai Engolir-vos é, assim, a madrugada, altura em que muitas mudanças acontecem nas peças de Tchéhov. “A madrugada é o futuro. O que há-de ser! A mudança do velho para o novo; a falência dos velhos costumes; a libertação das velhas verdades”, acredita o encenador, que é também um dos atores na peça.

 

Bilhetes à venda brevemente.

Ficha Técnica

Autor Anton Tchékhov Tradução Nina Guerra e Filipe Guerra Direção artística, versão e dramaturgia Tónan Quito Apoio à dramaturgia Miguel Loureiro Assistência de encenação Mirró Pereira Interpretação Álvaro Correia, Gonçalo Waddington, João Pedro Mamede, Leonor Cabral, Miguel Loureiro, Mónica Garnel, Rita Cabaço, Sílvia Filipe e Tónan Quito Cenografia F. Ribeiro Desenho de Luz Daniel Worm Figurinos José António Tenente Desenho de som Pedro Costa Produção executiva Armando Valente Apoio O Espaço do Tempo Coprodução HomemBala, Teatro Nacional São João, Teatro Municipal do Porto – Rivoli, Teatro Nacional D. Maria II e São Luiz Teatro Municipal

VEJA TAMBÉM

Saltar controlos de slides