Saltar para o conteúdo principal Mapa do Website Ajuda de navegação e acessibilidade Web

Fraternité, conte fantastique

Ciclo Mais um dia
De Caroline Guiela Nguyen
©Christophe Raynaud de Lage / Festival d'Avignon
Datas e Horários

26 e 27 abril
terça e quarta, 20h

Local

Sala Luis Miguel Cintra

Preço

€12 a €15 (com descontos)

Classificação

A classificar pela CCE

Descrição

A dramaturga, encenadora e realizadora francesa Caroline Guiela Nguyen e a sua companhia Les Hommes Approximatifs apresentam no São Luiz Fraternité, conte fantastique, um espetáculo que espelha o trabalho que têm desenvolvido juntando ficção e realidade e acreditando sempre que o imaginário do ser humano é a sua grande arma. Em cena, um lugar imaginado, uma espécie de tribunal de memórias e de lágrimas, um centro de cuidados e de consolação. Neste mundo, os serem amados estão Ausentes – sem nenhuma explicação – e sobram os Restantes. Estes, magoados, procuram a cura para esta dor sem fim. Os anos passam e a pergunta permanece: onde estarão os Ausentes? Até que, um dia, um jovem diz: “a minha mãe, trago-a comigo”. Fraternité, conte fantastique faz parte de um ciclo que conta, ainda, com outras duas peças de teatro e um filme, sobre os próximos 100 anos, na tentativa de construir uma filiação intelectual e afetiva entre nós e o futuro e olhando a forma como os seres humanos se colocam ao lado uns dos outros.

Ficha Técnica

Texto e Encenação Caroline Guiela Nguyen Interpretação Dan Artus, Saadi Bahri, Boutaïna El Fekkak, Hoonaz Ghojallu, Youssouf Gueye, Maïmouna Keita, Nanii, Elios Noël, Jean-Claude Oudoul, Alix Petris, Saaphyra, Vasanth Selvam, Hiep Tran Nghia, Anh Tran Nghia, Mahia Zrouki Colaboração artística Claire Calvi Cenografia Alice Duchange Figurinos Benjamin Moreau Luz Jérémie Papin Som e Música Antoine Richard Vídeo Jérémie Scheidler Dramaturgia Hugo Soubise, Manon Worms Músicas originais Teddy Gauliat-Pitois e Antoine Richard Construção de décor Atelier du Grand T, théâtre de Loire-Atlantique Fabrico de figurinos Ateliers du Théâtre de Liège Produção e Difusão Isabelle Nougier, coordenação Elsa Hummel-Zongo, direção técnica Xavier Lazarini, comunicação e imprensa Coline Loger, gestão social Stéphane Triolet Produção Les Hommes Approximatifs Produção delegada Les Hommes Approximatifs e le Festival d’Avignon Coprodução nacional Odéon Théâtre de l’Europe, ExtraPôle Provence-Alpes-Cóte d’Azur, La Comédie – CDN de Reims, Théâtre National de Bretagne, Théâtre National de Strasbourg, Châteauvallon scène nationale, Théâtre de l’Union – CDN du Limousin, Théâtre Olympia CDN de Tours, MC2 : Grenoble, La Criée – Théâtre national de Marseille, Le Grand T théâtre de Loire-Atlantique, Célestins – Théâtre de Lyon, Comédie de Colmar – CDN Grand Est Alsace, La rose des vents – Scène nationale Lille Métropole Villeneuve d’Ascq, Le Parvis – Scéne nationale Tarbes Pyrénées, Théâtre National de Nice, Théâtre du Beauvaisis – Scène nationale Coprodução international PROSPERO – Extended Theatre, Théâtre National Wallonie-Bruxelles, Théâtre de Liège, théâtres de la ville de Luxembourg, Centro Dramatico Nacional – Madrid, Dramaten – Stockholm, Schaubühne – Berlin, Teatro Nacional D. Maria II – Lisbonne, Thalia – Hambourg, Festival RomaEuropa Apoio DGCA Participação Jeune théâtre National e Institut Français Paris

VEJA TAMBÉM

Saltar controlos de slides
PAIS & FILHOS, DE PEDRO PENIM: ESTREIA A 24 SETEMBRO (+ DATAS EXTRA) ×

Seguindo as diretrizes da DGS, as sessões do espetáculo PAIS & FILHOS estão canceladas até 23 de setembro. A estreia está agora marcada para 24 de setembro, sexta-feira, às 20h, e, a partir desta data, há récitas todos os dias até 3 outubro.

Saber Mais