Saltar para o conteúdo principal Mapa do Website Ajuda de navegação e acessibilidade Web

FIlipe Raposo | ØBSIDIANA, vol.2

Trilogia das Cores
©Filipe Ferreira
Datas e Horários

20 e 21 outubro
quinta e sexta, 19h

Local

Sala Bernardo Sassetti

Preço

€15

Classificação

M/6

Descrição

Chama-se ØBSIDIANA, vol.2, e é o segundo capítulo da trilogia das cores, ensaio sonoro e visual lançado por Filipe Raposo em 2019, que parte da reflexão artística sobre a influência de três cores: vermelho, preto e o branco – sistema ternário que representa, desde a Antiguidade Clássica, um papel simbólico. Com ØCRE, o pianista e compositor abordou a variação de vermelho, encarnada num reportório de temas inéditos e reinterpretações de outras obras, como A um deus desconhecido, baseada no coral BWV 245 de Bach, Ó meu bem, sobre uma melodia tradicional açoriana, e Oblivion Soave, da ópera de Monteverdi (A Coroação de Popeia), com interpretação da cantora Rita Maria.

Se numa primeira reflexão foram surgindo múltiplos significados associados à cor vermelha, relacionados com o poder, o amor ou a morte, neste segundo capítulo é celebrado o preto, historicamente ligado a conotações que vão desde a ausência da própria cor ao tom pobre. Do luxo sofisticado e elegante à dignidade e ao mistério. “Em contos e fábulas a cor serve para distinguir personagens, funções sociais: o vermelho associado aos guerreiros, o preto associado ao trabalho e o branco ligado à função sacerdotal. Perceber a cor — as cores — e o seu simbolismo tem sido uma das questões fundamentais ao longo desta reflexão, transformada em inquietude. Neste ensaio sonoro, a cor e a música estão intimamente ligadas naquilo que é, inevitavelmente, o meu universo simbólico-artístico”, escreve Filipe Raposo.

Ficha Técnica

Filipe Raposo piano e composição

VEJA TAMBÉM

Saltar controlos de slides