Saltar para o conteúdo principal Mapa do Website Ajuda de navegação e acessibilidade Web

O que é um Problema?

Beatriz Valentim
Festival Cumplicidades
© Estelle Valente / Teatro São Luiz
Datas e Horários

13 e 14 maio
sábado e domingo, 15h

 

Escolas
11 e 12 maio
quinta e sexta, 10h30 e 14h30

público-alvo: 2º ciclo e ensino secundário

Local

Sala Mário Viegas

Preço

€7 adultos, €3 crianças

Classificação

A classificar pela CCE

Descrição

O que é um problema e como descobrimos que ele existe? Começa-se no vazio, onde existe um problema por resolver, e parte-se à descoberta num caminho que se adivinha complexo e desafiante. Encontram-se problemas no próprio corpo e nas suas limitações: Como lidar com esses limites, contornando e encontrando alternativas? Que caminho se percorre para resolver o problema na arquitetura do nosso corpo como metáfora para a questão do problema geral? O que é um problema? é um espetáculo dedicado ao público infantil e juvenil que se constrói em palco, com dois bailarinos, um deles também artista plástico, e um músico. Observar as gerações mais novas e a sua forma de pensar, quando criam e questionam, tem um papel transformador. O corpo, curioso e perspicaz, procura e dá a mão a um percurso prestes a ser descoberto através do movimento, da construção, do desenho e dos sons. Procura-se, constantemente, ativar as respostas físicas, sensoriais e emocionais para ultrapassar os problemas e encontrar as soluções.

 


 

13 maio
Conversas

 

#Face to Face
Encontro de investigadores, profissionais de diferentes áreas, que permitirá abrir novas perspetivas no que diz respeito à reflexão sobre os espetáculos e os temas abordados pelos seus criadores. Pensar a Dança no século XXI, de forma transversal, em termos de diferentes gerações e diferentes lugares de pensamento é um ponto de partida para abrir novas plataformas de entendimento da dança como fenómeno cultural e social na contemporaneidade, assim como uma nova forma de linguagem não apenas artística. Os oradores convidados partem assim para um conjunto de pensamentos e discussões, permitindo que a obra não termine em si. Este processo implica a aproximação dos oradores convidados das obras para que esta seja a base das diferentes reflexões.

 

Lugar de liberdade na arte, na cultura em nós e no outro
Sala Bernardo Sassetti
sábado, 16h
Oradores: Isabel Moreira, Luís Duarte d’Almeida, André e. Teodósio
Moderação: Rui Cunha Martins

Ficha Técnica

Direção artística Beatriz Valentim Interpretação Ana Caetano e Beatriz Valentim Música original ao vivo e Sonoplastia Pedro Souza Concepção cenográfica Ana Caetano e Beatriz Valentim Instrumentos originais Os Arranjadores Conceção da rampa Hugo Barros e Sara Garcia Direção Técnica Hugo Coelho Técnica de som Inês Lamares Residências artísticas Teatro do Ferro, Central Elétrica / CACE Cultural, Balleteatro, Biblioteca Municipal de Marvila, Devir Capa Coprodução Cine-Teatro Louletano e Festival Cumplicidades Distribuição Eira

VEJA TAMBÉM

Saltar controlos de slides